Disciplina – O Segredo dos Resultados

Olá, Invocador, eu sou o Heye e hoje nós vamos falar um pouco a respeito de disciplina! Uma coisa simples, mas muito difícil e que faz toda a diferença entre um bom e um mau resultado.

Sempre que treino algum time, a disciplina é um papel fundamental no trabalho. Um time indisciplinado é um time que não dá certo, mas isso não é só em equipe. Eu vou te contar uma história recente que ilustra bem esse papel e você vai ver como a sua falta de disciplina pode estar destruindo os seus resultados e jogando o seu esforço no lixo.

Vamos lá?

Talento ou Esforço?

Uma pergunta muito comum e que muitos me fazem, então vou dizer uma coisa a respeito. Eu acredito no esforço. Qualquer um pode chegar muito longe com o treino certo. A questão toda é o quão grande vai ser a curva de aprendizado.

Um jogador talentoso vai ter um resultado mais rápido, com menos esforço. Por outro lado, um jogador esforçado pode chegar ao mesmo lugar que um nascido com o dom divido. Mas, claro, ele vai pagar um preço maior. Um vai demorar mais que o outro, vai precisar treinar mais. E aí nós começamos a falar de algo interessante.

Historicamente, os resultados não vem para aqueles que tem talento, pelo contrário. Jogadores talentosos tendem a ser desleixados exatamente por ter a capacidade de fazer o que os outros precisam se esforçar muito, com facilidade. Então, não se empenham e, no futuro, não tem a tal disciplina necessária para treinar e chegar ao alto nível.

Claro, temos grandes exceções! Muitas, na verdade. Mas, nas bases, é muito comum vermos jogadores talentosos ficando para trás e nunca vindo a ser reconhecidos. E é aí que está o diferencial. Aquele que precisa se esforçar para chegar lá, já tem a sua disciplina treinada. Ele sabe que precisa abrir mão de muita coisa para conquistar o que quer e sabe que não pode se dar o luxo de falhar.

Assim, normalmente, jogadores esforçados tem resultados melhores do que os jogadores talentosos. E é aqui que nós começamos de fato, onde entra a disciplina?

Uma pequena história

Apesar da vida corrida, eu estou, aos poucos, escolhendo jogadores para treinar diariamente. Um deles, que já treino há algum tempo, vinha tendo resultados positivos. Depois de muitos altos e baixos, arrumamos a rotina, começamos a forçar mais os treinos e ele começou a melhorar.

Em pouco tempo, um jogador que era instável e jogava no Low Master foi ganhando consistência e estava chegando perto do seu primeiro objetivo, que era o Challenger. Apesar de nunca ter chegado entre os 200 melhores, ele já tinha estado perto outras vezes. Seu elo máximo esteve próximo de 260 pontos no mestre, mas não chegou nisso de novo por um bom tempo.

Alguns dias subindo e ele finalmente bateu o seu record e, por 3 semanas, ficou com uma média de 280 pontos no Mestre. Estava muito perto, se mantivesse a evolução a partir dali, seria fácil chegar ao Challenger, porque estava jogando melhor do que nunca. Porém, não é assim tão fácil, né?

Foi necessário menos de uma semana para sair dos 280 pontos para o D1 e ficar por lá durante muito tempo. E aí, o que exatamente aconteceu?

>>> Veja Também: Como Parar o Sion Suicida

Uma quebra de rotina associada à falta de foco e um treino recente demais, que ainda não havia se fixado, foi o que aconteceu. Infelizmente, treinos demoram a se tornar parte do jogo natural, porque muitos deles são cansativos ou complexos. O cérebro se esforça, mas acostumar com certas coisas é uma luta. O resultado foi uma queda brutal de rendimento.

Claro, não foi tudo em vão, mas muito se perdeu. Hoje ele ainda está recuperando, lentamente, o que tinha. Então, essa queda foi realmente significativa.

Portanto, como podemos evitar que isso aconteça?

A Disciplina e o Esforço

Ter disciplina é algo que exige muito esforço e, para fazer esforço, precisamos de força de vontade. Eis o nosso problema, atualmente as pessoas mal querem levantar da cadeira para pegar água, imagina seguir rigorosamente uma rotina de treinos. É bem complicado.

Porém, a ciência nos deu uma informação bem legal (sem referência bibliográfica desta vez, porque estou sem tempo para ver de qual dos livros veio essa). A força de vontade funciona exatamente como um músculo. Ela não só pode ser treinada, como se esgota.

Vamos fazer uma analogia para simplificar. Imagine que comece a fazer flexões. Você vai conseguir fazer até um certo ponto, ainda que faça muitas, mas vai chegar uma hora que seu músculo cansa. E, consequentemente, você não consegue fazer mais. A força de vontade funciona assim.

Você pode se esforçar para fazer coisas muito complicadas, mas isso vai te esgotar. Comer algo que você detesta, por exemplo, seja pelo motivo que for, vai te deixar esgotado, porque você vai precisar de muita força de vontade.

Por outro lado, assim como nas flexões, se treinar semanalmente direitinho, seus músculos começam a se desenvolver e seus resultados começam a melhorar. Você passa a conseguir fazer mais flexões. E, desta forma também funciona a força de vontade. Você faz esforço, ele te deixa exausto, mas ele também aumenta a sua capacidade.

Então, como nos beneficiamos disso?

Criando Disciplina

Como você pôde ver, é complicado e, provavelmente, chato, porém não é impossível criar disciplina. A maior parte dos jogadores peca neste aspecto exatamente por não saber como conseguir isso e qual a sua importância.

A realidade é que estar no alto nível em qualquer coisa exige disciplina, porque você precisa, indispensavelmente, ter controle sobre o que faz. E, ainda que você não queira ir ao topo, vai precisar dela para ter uma evolução até onde deseja, seja do Bronze ao Top 1, seja do Prata 2 ao Ouro 5.

>>> Veja Também: A Melhor Rotação Para Suportes

Ter horários para jogar, se preparar, montar seu treino, seguir o treino, focar no que é necessário durante os jogos. Tudo isso vai exigir muito de você. Então, é melhor começar logo a criar uma disciplina, mínima que seja, para exercitar a sua força de vontade e, lá na frente, conseguir ser uma pessoa mais estável e com melhores resultados.

Portanto, como fazer isso?

O interessante é que, como eu disse, a força de vontade funciona como um músculo e, literalmente, qualquer coisa, que exija dela, serve. Então, pequenos atos do dia-à-dia, como tomar banho frio, arrumar a cama de manhã, comer algo que você não goste, não importa, tudo que te tire da inércia melhora a sua força de vontade.

Ou seja, comece pelo simples, fazendo as coisas que você não faz por preguiça. Coisas simples, ok? Depois vá somando, aos poucos. Isso vai te dar mais e mais força de vontade. Pode ser dentro do jogo mesmo, se não quiser fazer no dia-à-dia, não tem problema. Tenho certeza que você sabe muitas coisas que deixa de lado e não presta tanta atenção.

Então, o segundo passo é mais simples, arrume a sua rotina ou seja lá o que você desejar e comece também aos poucos. Não exagere. Se você colocar peso demais nas costas de uma vez, não vai conseguir fazer nada e vai se frustrar, então comece com algo que aguenta. Aos poucos se constrói uma rotina vitoriosa.

Assim, lentamente a sua rotina vai crescendo e você vai se adaptando às suas necessidades. Logo vai ficar mais fácil fazer o que antes era difícil e você vai crescer muito.

Conclusão

Assunto simples, mas determinante. A disciplina é o maior bicho papão do Brasil, seja no cenário amador ou profissional. Ela destrói mais sonhos do se pode imaginar. Ela não, né? A falta dela. Então, vamos, aos poucos, acabar com isso, que seja de baixo para cima, mas vamos mostrar que podemos mais!

Desta forma, espero que este texto te ajude nos jogos para o fim do ano, assim você vai conseguir alcançar seus objetivos e quem sabe alcançar o tão sonhado elo até o fim da Season?

Então, se achar que realmente te ajudou, deixe um comentário aí embaixo, é muito importante para nós!

Ah, e também se inscreva no nosso canal do Youtube, curta a nossa página do Facebook e entre no nosso Discord!

Youtube: https://www.youtube.com/channel/escoladeinvocadores

Discord: https://discord.gg/Yvc5vxy

Facebook: https://www.facebook.com/HeyeOficial/

No mais, um abraço e até a próxima!

Guilheme “Heye” Thompson é coach há mais de 2 anos e já trabalhou em equipes de todos os níveis. Depois de dar uma pausa na carreira, criou o Escola de Invocadores, onde administra e cria conteúdo para jogadores que queiram melhorar no Summuner’s Rift.